Início » Uncategorized » Entre Aspas

Entre Aspas

Pior não fica – A semana começou pegando fogo com dois assuntos de grande importância para a sociedade: aumento na tarifa de ônibus e greve na educação. Será que pode piorar ainda mais?

Aumento – Ontem, o prefeito Clécio (PSOL) reuniu com a imprensa e já mandou um recado para os empresários de que a Prefeitura é contra o reajuste. Porém, na última briga pelo aumento quem deu a palavra final foi o Judiciário.

Vespeiro – O assunto do transporte público é um vespeiro que até hoje ninguém teve coragem de mexer. Para começar, teve gente até falando em políticos que foram vistos entrando e saindo do Setap carregando “pacoteiras” felizes da vida. Aliás, alguém pode me dizer quem lembra aí que fim deu a tal CPI do Transporte Público da Câmara de Macapá?

Intenção – Falando em valores propostos para a tarifa, ainda não entendi qual é a intenção do Setap em propor um valor de R$ 2,69. Eu tenho certeza que os cobradores não vão ter R$ 0,01 centavo para dar de troco. Nesse caso, o valor automaticamente será arredondado para R$ 2,70.

Troco – Vamos fazer uma rápida conta e ver como esse R$ 0,01 centavo pode ser interessante para os empresários. A cada mil usuários que deixarem de receber o troco, as empresas vão faturar R$ 100 só na boa. Tudo isso fora o lucro que o reajuste vai proporcionar.

Cubanos aqui – Seis mil médicos cubanos deverão atuar em cidades do interior do Brasil onde não há atendimento ou os médicos do país não querem trabalhar. Está aí uma notícia que deverá agradar o governo do Estado que vira e mexe tem um embate com a classe. Agora vai ser fácil encurtar as discussões: “não querem trabalhar? Chamem os cubanos”.

No TRE – Na sessão de hoje (8) o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá julgará a exceção de suspeição impetrada contra o juiz federal João Bosco pelo prefeito cassado de Ferreira Gomes, Valdo Isacksson. A sessão será realizada no plenário do TRE-AP às 17 horas.

Alegação – Segundo alega o autor da ação, o juiz João Bosco já contratou os serviços do advogado do PMDB, partido do atual prefeito de Ferreira Gomes, Elcias Borges, e devido a essa ligação entre os dois, o juiz deveria ser considerado suspeito no julgamento da causa.

Compra de votos – Valdo Isacksson teve o mandato cassado em fevereiro deste ano após decisão da então Juíza da 9ª Zona Eleitoral, Michelle Farias. Recaiu sobre ele e seu vice, Raimundo Rodrigues, a acusação de compra de votos nas eleições de 2012.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s